6 DICAS PARA MELHORAR O MEU KENPO

Hoje decidi escrever-vos 6 dicas simples para vos ajudar a melhorar a qualidade do vosso Kenpo. Leiam com atenção e se fizer sentido para vocês, agarrem uma por uma e apliquem já hoje...

1. Façam comparações! Analisem: como foi o teu primeiro treino? Como foi o teu primeiro mês de treino? Comparem com a vossa situação actual e vejam o percurso que já percorreram. Vejam todos os desafios que já ultrapassaram. Ter consciência disto, vai dar-vos confiança em vocês próprios, no vosso Instrutor e no método.

2. Respirem! Todos nós respiramos, é isso que nos mantêm vivos, mas será que temos consciência que estamos a respirar? Será que estamos "presentes" no processo respiratório? Respirar é fundamental, no treino, fora do treino, na vida, sempre. Fazer uma paragem consciente para analisar a respiração durante o treino, ajuda a focar e a trazer a atenção para o momento. Esta pequena acção, repetida várias vezes ao longo do treino, vai com certeza aumentar a eficácia do mesmo.

3. Equipa-te! Dentro das tuas possibilidades, tenta equipar-te ao máximo para cada sessão de treino. Como qualquer outra modalidade, o Kenpo usa equipamentos de treino muito específicos. Apesar de haver algum equipamento disponível para emprestar na escola, nada substitui o nosso próprio equipamento. O mesmo está desenhado para potenciar cada parte do treino...já diz o ditado "não se fazem omeletes sem ovos". 

4. Organiza-te! Chegar ao treino atrasado pode ser stressante. Sair do treino mais cedo pode ser  stressante...faltar ao treino pode ser stressante, (principalmente comigo como Instrutor). Uma boa planificação e organização, pode colmatar essa ansiedade e stress. Chegar cerca de 10 minutos antes da hora, ajuda a desligar o botão automático do dia a dia, inicia o convívio com os colegas e prepara a mente para o treino. Sair mais cedo ou chegar mais tarde, faz com que não consigas desfrutar da totalidade do treino, não só das partes em que não estás, mas também das partes que treinaste, tendo em conta o encadeamento do trabalho de uma ponta à outra do treino. 

5. Define-te! Para alguns de vocês estas dicas podem estar a fazer muito sentido, para outros, as mesmas podem ser exageradas. Outros podem nem sequer ter opinião. Tudo passa pela tua resposta às próximas perguntas: será que sabes exactamente o que pretendes com o teu treino? Tens as tuas prioridades definidas em relação ao Kenpo? Qual a importância que o treino de Kenpo tem na tua vida actualmente? Se não tens estas respostas, não avances sem responderes. Pára e escreve numa folha as respostas. Se já tens, óptimo! Mas agora analisa, estão as tuas atitudes a ser coerentes com os teus objectivos e planos?

6. Investe! Agora que já te definiste, investe na tua prática de forma proporcional com os teus objectivos. Olha para a palavra investimento num sentido lato, ou seja, investe tempo a treinar, dentro e fora do dojo, investe o teu tempo e recursos e tenta agendar aulas particulares, investe em passar tempo com o teu Instrutor fora do contexto de aula, seja em actividades extra como estágios ou em convites pessoais, devidamente contextualizados, claro.

Deixo-vos com uma garantia: se seguirem estas 6 dicas, irão melhorar o vosso Kenpo GARANTIDAMENTE!