PALAVRAS DIFÍCEIS DE ESCREVER...

Hoje o mundo acordou mais pobre! Partiu um dos bons...e escrevo partiu porque Homens como este não morrem, vivem para sempre nas nossas memórias e principalmente nas nossas acções. Esse é o seu maior legado, o impacto que tiveram nas nossas vidas ao ponto de moldarem os nossos pensamentos, as nossas atitudes...

Conheci o GM Vince Black no Arizona. A forma como entrou naquela sala, a força da sua energia, é uma sensação que jamais vou ser capaz de esquecer, principalmente porque o medo que senti antes até do o ver, contrastou com o sorriso rasgado que vi momentos depois...foi estranho mas muito intenso, apenas senti esse sentimento uma outra vez na minha vida, mas isso fica para outro dia...

Podia aproveitar este momento para escrever aqui tantas memórias que foram construídas ao longo dos tempos, tantas histórias que tive o privilégio de vivenciar ao seu lado, mas hoje não consigo, talvez outro dia. Hoje apenas tenho vontade de dizer obrigado, obrigado Mestre por tudo aquilo que me ensinou e que partilhou comigo. Obrigado por ter feito o favor de me ensinar, de me ter desafiado e me ter aberto caminhos. Hoje não consigo contar as histórias, apenas agradecer o facto de me ter ensinado os segredos da verdadeira medicina chinesa, de me ter dado um olhar crítico, de me ter mostrado a beleza que existe na simplicidade do Ciclo nictemeral que tantas vezes hoje falo e inspiro outros a falar...obrigado por ter aceite o meu convite para comer sardinhas assadas, obrigado por me ter apresentado o Pekiti Tirsia, o Xing Yi e o Ba Gua. Obrigado Mestre por ter partilhado comigo que menos é mais e que não existe limite na compaixão humana...

Hoje, depois de saber que partiu, sinto-me abençoado por ter sido tocado por si. 

Aqui fica a minha maior gratidão a todos os seus alunos directos, por terem partilhado o seu Mestre comigo. 

Obrigado aos meus Mestres, Soke & Hanshi Lim, por me terem apresentado esta pessoa magnífica e por igualmente o terem partilhado comigo! Não há preço para pagar a forma altruísta como ambos me têm guiado ao longo de todos estes anos. 

GM Vince Black & Aunty Kim Black a trabalharem no alinhamento da Sensei Ana, na Clínica da ETAMC em 2010